RS Digital realiza primeiro seminário de capacitação para municípios

O 1º Seminário RS Digital, iniciativa do governo do Estado para apoiar os municípios na ampliação da oferta de serviços digitais à população, reuniu participantes de quase 30 municípios nesta quarta-feira (24/5), no Centro Administrativo Fernando Ferrari, em Porto Alegre. O evento é a primeira capacitação oferecida aos integrantes da Rede RS Digital, que já soma 38 cidades.

Parte da estratégia da Secretaria de Planejamento, Governança e Gestão (SPGG), e liderado pelo Escritório de Desenvolvimento de Projetos (EDP), o RS Digital lança mão da experiência do Executivo estadual na implementação da Estratégia Digital rs.gov.br, para auxiliar as prefeituras na realização do diagnóstico digital, oferecer acesso a capacitações e auxiliar na elaboração de um plano de governo digital. O objetivo é que cada município possa oferecer seu próprio portal de serviços.

Na abertura do evento, que contou com a participação de integrantes da Federação das Associações de Municípios do Rio Grande do Sul (Famurs), o secretário em exercício da SPGG, Bruno Silveira, destacou que uma das principais metas do governo do Estado é permitir que todos os municípios possam oferecer seus serviços aos cidadãos de forma digital. “Estamos trabalhando firmemente com o propósito de facilitar a vida do cidadão e do empreendedor, com foco na transformação digital, reduzindo a burocracia do serviço público”, ressaltou. Silveira também agradeceu a parceria das entidades que atuam junto ao RS Digital.

O secretário em exercício anunciou que o Rio Grande do Sul foi convidado pelo governo federal para receber a primeira das cinco oficinas regionais de elaboração da Estratégia Nacional de Governo Digital, em julho de 2023. “Faremos esse processo de forma muito colaborativa e participativa, em conferências regionais, contando com os Estados e os municípios de cada região, a partir de julho”, afirmou a secretária-adjunta de Governo Digital do Ministério da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos, Luanna Roncaratti. Ela entregou o ofício que formaliza o convite junto com o coordenador geral de Cooperação Federativa em Governo Digital, Enzo Tessarolo.

No painel RS Digital, o diretor-geral do EDP, Hiparcio Stoffel, apresentou as bases do projeto e explicou de que forma o Estado pode colaborar com a jornada de transformação digital de cada cidade. “O objetivo é estarmos lado a lado com os municípios nesse desenvolvimento, formando uma rede focada em oferecer mais e melhores serviços à população”, disse.

A partir do seminário, além de integrarem a Rede RS Digital, por meio da qual será feito o compartilhamento de informações e o intercâmbio de experiências, os municípios que aderiram à iniciativa serão convidados para uma oficina virtual, disponível na plataforma gov.br e focada na realização do diagnóstico. Também está previsto para ocorrer em breve o 2º Seminário RS Digital, avançando, principalmente, a partir das necessidades identificadas.

São parceiros do RS Digital o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), o gov.br, o Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE), a agência de fomento Badesul, o Centro de Tecnologia da Informação e Comunicação do Estado (Procergs), a Famurs, o Fórum de Secretários de Desenvolvimento, e a Junta Comercial, Industrial e Serviços (JucisRS).

Sobre o rs.gov.br

Atualmente, o rs.gov.br, plataforma unificada de serviços do governo do Rio Grande do Sul, disponibiliza 739 serviços estaduais, sendo 94% deles digitais. A média de acessos mensais aos serviços do Estado em todas as suas plataformas é de 5,5 milhões. Essa estratégia é liderada pela SPGG, por meio do EDP e da Procergs.

Foto: Lucas Motzkus/Ascom SPGG

Facebook
Twitter
WhatsApp
Posts Recomendados