A Patram flagrou nesta semana mais um caso de crime contra a flora na região. Atendendo uma denúncia anônima, a Polícia Ambiental através do 3º Batalhão Ambiental de são José do Ouro flagrou na Linha Bom Parto, interior de São João da Urtiga desmatamento ilegal, constatado a supressão de vegetação nativa em estágio avançado de regeneração numa área de 1,02 hectares. Várias espécies nativas foram atingidas, como canela guaicá, cedro, açoita-cavalo, mamica-de-cadela, dentre outras.

A supressão foi fora de área de preservação permanente, mas pertencente ao Bioma Mata Atlântica. O proprietário da área não apresentou licença ambiental. Foi confeccionado Termo Circunstanciado por supressão de vegetação nativa sem licença do órgão ambiental competente.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui