Operação Verão Total encerra temporada com queda expressiva em indicadores criminais

Com novidades, incluindo um novo modelo de governança, a criação de eixos temáticos e a ampliação no número de servidores e serviços oferecidos, a temporada 2023-2024 da Operação Verão Total (OVT) chegou ao fim em 15 de março com uma queda expressiva em uma série de indicadores criminais nas praias gaúchas. Quase 40 órgãos do governo do Estado estiveram presentes em todo o litoral do Rio Grande do Sul, além de águas internas e balneários, levando serviços, informação e segurança para banhistas, moradores e turistas durante os três meses do veraneio.

No balanço final da Secretaria da Segurança Pública (SSP), os índices de criminalidade tiveram queda. O indicador de roubos a estabelecimentos comerciais apresentou redução de 65%, e o de roubo a pedestres registrou queda de 42% – mesmo número da diminuição de roubos de veículos.

Nos Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI) foi observada queda de 32%. O crime de estelionato apresentou uma redução de 26%, e os indicadores de roubos a residência diminuíram 24%. Foram realizadas ainda operações relacionadas a furto de fios e cabos, bem como de desmanche. Além disso, de acordo com o Corpo de Bombeiros Militar do Rio Grande do Sul (CBMRS), não houve nenhuma morte em áreas com a presença de guarda-vidas durante a OVT.

Coordenador executivo da operação, o vice-governador Gabriel Souza destaca que essa é a maior iniciativa do governo estadual, realizada de maneira transversal. “Reunimos diferentes secretarias e setores da gestão para que cada um levasse seus principais serviços para as praias de norte a sul. O objetivo foi otimizar nossas entregas e dar respostas mais eficientes para as principais demandas da população nessas regiões”, explica.

As ações foram divididas em cinco eixos temáticos: Segurança Pública, Bem-Estar Social, Desenvolvimento Econômico, Mobilidade e Comunicação.

Foto: Gustavo Mansur

Facebook
Twitter
WhatsApp
Posts Recomendados