Estado oficializa erva-mate como patrimônio cultural imaterial do RS nesta terça, 13

Nesta terça-feira (13/6) o governador Eduardo Leite, a secretária da Cultura, Beatriz Araujo, e o diretor do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico do Estado (Iphae), Renato Savoldi, assinam termo que oficializa o Sistema Cultural e Socioambiental da Erva-Mate Tradicional como patrimônio cultural imaterial do Rio Grande do Sul. Este é o primeiro registro desta natureza. O ato será realizado no Galpão Crioulo do Palácio Piratini, às 14h.

Em 2022, o Iphae, instituição vinculada à Secretaria da Cultura (Sedac), apresentou parecer técnico que foi apreciado pela Câmara Temática do Patrimônio Cultural Imaterial (CTPCI). O processo de instrução e indicação para registro continha mais de 700 páginas, reunindo as pesquisas sobre o tema.

A solenidade trará ainda um panorama sobre o valor histórico-cultural da erva-mate para o Rio Grande do Sul e terá uma apresentação de um coral indígena, o grupo Teko Guarani, das etnias Mbya Guarani.

Aviso de pauta

O quê: assinatura do registro do Sistema Cultural e Socioambiental da Erva-Mate Tradicional como Patrimônio Cultural Imaterial do RS
Quando: terça-feira (13/06), às 14h
Onde: Galpão Crioulo do Palácio Piratini

Foto: Divulgação

Facebook
Twitter
WhatsApp
Posts Recomendados