Coletivo Vegalianos circulará com espetáculo de teatro por nove cidades gaúchas

“Histórias para Voar” inicia circuito por Lagoa Vermelha

Nove cidades das regiões Norte e Nordeste do Rio Grande do Sul recebem, de 13 a 24 de abril, a circulação do espetáculo Histórias para Voar, do Coletivo Vegalianos, de Caxias do Sul. O circuito inicia nesta quinta-feira (13), na Escola Estadual Presidente Kennedy, em Lagoa Vermelha. As apresentações ocorrem às 10h e às 14h e são abertas à comunidade escolar. Depois da estreia, o espetáculo segue, ainda nesta semana, para Sananduva, Tapejara e São João da Urtiga. Na sequência, os artistas visitam Erechim, Marau, Casca e Guaporé, com encerramento em Nova Prata, na Serra.

Encenada por Aline Tanaã, Gabriel Zeni, Doug Trancoso e Gio Mazzochi, a peça conta a história da menina moça Naná, que perde o interesse pelas histórias da infância ao perceber que não consegue mais se lembrar delas. É aí que entra o Tio Zebedeu, que tem sempre um acorde certeiro para tocar a curiosidade, além de Seu Lento, um caramujo inventor que sonha em voar. Naná conta ainda com o afeto de uma artista que vai lhe contar uma história de sabedoria e coragem. Inspirado pela estética mambembe, o espetáculo tem como cenário a Kombi Biblioteca do Instituto Cultural TARU.

“Estamos muito contentes com a circulação, pois ela multiplica as possibilidades de levarmos arte para o interior do Estado. Escolhemos essas nove cidades por ficarem mais afastadas da Capital e, por isso mesmo, receberem menos oferta artística. Nosso intuito é aproximar a população do interior e contribuir para a formação de público entre crianças e adolescentes – e quem sabe até inspirar futuros artistas”, salientam Gio e Doug.

O espetáculo conta com orientação cênica de Fábio Cuelli e coreografias de Jhow Essência. Com cerca de 45 minutos de duração, a peça é recomendada para crianças, adolescentes e adultos, graças às diferentes camadas poéticas exploradas em cada história. Os artistas exploram uma gama de recursos cênicos, tais como máscaras, fantoches, contação de histórias e dança, além de música e sonoplastia feitas ao vivo. Haverá ainda a distribuição de material educativo para estudantes e professores, com sugestões de atividades didáticas que podem ser executadas ao longo do ano letivo.

Desde 2018, mais de 8 mil pessoas já assistiram ao Histórias para Voar. Foram cerca de 40 apresentações em escolas públicas e particulares, em municípios como Caxias do Sul, Lajeado, Getúlio Vargas, Travesseiro e Doutor Ricardo. O Coletivo Vegalianos também esteve presente em eventos como Festa Nacional da Uva, Verão Cultural, Festival Música de Rua e Téti – Festival de Arte e Cultura para a Infância.

Histórias para Voar é uma adaptação teatralizada do livro e da exposição itinerante Voos da Alma, da dupla Gio e Doug, que recentemente visitou escolas de Farroupilha, Criúva, São Marcos e Vale Real. Para essa nova circulação, o espetáculo passou por adaptações cênicas. “Ganhamos experiência com as apresentações já realizadas e entendemos o que funciona e o que pode melhorar. Por isso, fizemos uma nova orientação cênica com o diretor Fábio Cuelli, para aprofundar os estudos e refinar a apresentação. Também criamos uma nova coreografia para cenas dançadas, a partir do olhar do BBoy Jhow Essência, um experiente profissional de danças urbanas”, ressaltam Gio e Doug.

Proposto pelo Instituto Cultural TARU, o projeto conta com recursos do PRÓ-CULTURA RS FAC – Fundo de Apoio à Cultura, do Governo do Estado do Rio Grande do Sul.

Circulação
:: Quinta | 13/04: Lagoa Vermelha – Escola Estadual Presidente Kennedy (10h e 14h)
:: Sexta | 14/04: Sananduva – Escola Estadual Angelo Granzotto (10h e 14h)
:: Sábado | 15/04: Tapejara – Escola Municipal Giocondo Canali (10h) e São João da Urtiga – Praça Central (16h)
:: Segunda | 17/04: Erechim – Escola Estadual Dom Pedro II (10h e 14h)
:: Terça | 18/04: Marau – Escola Estadual Charruas (10h e 14h)
:: Quarta | 19/04: Casca – Escola Estadual Vitória (10h e 14h)
:: Quinta | 20/04: Guaporé – Escola Estadual Frei Caneca (10h e 14h)
:: Segunda | 24/04: Nova Prata – Escola Estadual Tiradentes (10h e 14h)

Ficha técnica
:: Projeto: Circulação do espetáculo Histórias para Voar
:: Proponente: Instituto Cultural Taru
:: Orientação cênica: Fábio Cuelli
:: Atuação: Aline Tanaã, Doug Trancoso, Gabriel Zeni e Gio Mazzochi
:: Coreografia: Jhow Essência
:: Produção: Gabriel Zeni
:: Registro documental: Cassi Boff
:: Assessoria de imprensa: Sublinha! Comunicação
:: Contabilidade: Soraia de Almeida
:: Financiamento: PRÓ-CULTURA RS FAC – Fundo de Apoio à Cultura, do Governo do Estado do Rio Grande do Sul

Circulação do espetáculo Histórias para Voar | Assessoria de imprensa
Ronaldo Bueno | ronaldobueno@sublinha.com.br | (54) 99113-9072

Foto: Divulgação

Facebook
Twitter
WhatsApp
Posts Recomendados