Close

Sign In

Close

Tragédia na região: Acidente com ônibus deixa 4 mortos e mais de 30 feridos

Tragédia na região: Acidente com ônibus deixa 4 mortos e mais de 30 feridos

A empresa Turis Prata divulgou na manhã deste domingo a lista com os nomes de 36 passageiros e dois motoristas do coletivo que voltava do Paraguai rumo a Nova Prata, quando caiu de um barranco de cerca de 30 metros, matando quatro pessoas e deixando 34 feridos.
Informações preliminares dão conta de que 28 pessoas deram entrada no Hospital São Vicente de Paulo e outras 10, no Hospital da Cidade, ambos em Passo Fundo, somando 38 feridos.
A empresa informa ainda que houve uma parada do ônibus em Passo Fundo e ainda não se sabe se houve, ali, alterações no número de passageiros. A assistente do coletivo, Maria Jurema Borges Vieira, seria a responsável pelo embarque e desembarque dos passageiros e teria a lista completa. Ela morreu no acidente.
Também foram confirmados, segundo a empresa, os óbitos de João Neves Pain e Bruno Farina.
Veja os nomes divulgados pela empresa:
Ana C. Orlando

Andre Giareta

Andreia Zardo _ Hospital da Cidade

Angeli Coser

Bruno P. C. Farina _ Óbito

Claudia M. Timbola

Erceli R. B. da Silva

Eveline Z. Giareta

Fabiane Moterle

Franciele Garda _ Hospital da Cidade

Franciele Zanon _ Hospital da Cidade

Gabriela B. Vieira

Gilmara Rigon

Gragari Ribeiro

Iara S. Machado _ Hospital da Cidade

Joao N. Paim _ Óbito

Katia Farina

Lais Bressiani

Maria da C. dos S. Ribeiro

Maristela Duz

Marlova Dartora _ Passa por cirurgia no Hospital da Cidade

Marta Vieira

Ortenila S. Machado _ Hospital da Cidade

Paulo H. da Silva

Rafaela S. Vargas

Rafela S. da Silva

Samuel Longhi

Tatiana M. Loch _ passa por cirurgia no Hospital da Cidade

Tatiane F. Ribeiro _ Hospital da Cidade

Wagner W. Bernardi

Valeria K. Mezaroba

Zaida de F. Souza

Sergio Bissani

Sidnei Mioranza

Maria Jurema Borges Vierira _Óbito

Rubia Segalim _ Hospital da Cidade
Motoristas: Vagner Barrea
Fernando Cappellari
As investigações
A Polícia Civil informou na manhã deste domingo que vai recolher o tacógrafo do coletivo que caiu do barranco matando quatro pessoas na ERS-135, em Passo Fundo. Conforme a delegada plantonista do município, Carolina Goulart será investigada a possibilidade de o motorista estar acima da média da velocidade permitida no trecho do km 2 da rodovia, cuja velocidade determinada é 60 km/h.

 

Por volta das 11h se iniciou a identificação das vítimas. João Neves Pain, 50 anos, foi o primeiro entre os mortos a ser identificado, pois estava com a carteira de identidade no bolso, conforme a polícia.
Conforme a empresa Turis Prata, proprietária do ônibus, 36 passageiros estavam à bordo, além de dois motoristas e um assistente. Os integrantes da equipe estariam entre os feridos, distribuídos em hospitais de Passo Fundo.

Foto: Agência RBS


Comentários + Novo Comentário

Deixe um comentário

* Campos Obrigatórios