Close

Sign In

Close

Movelsul se consolida como a feira da classe média

Movelsul se consolida como a feira da classe média

Em sua 19ª edição, evento recebeu 36 mil visitantes de todos os estados brasileiros e outros 39 países

A Movelsul Brasil 2014, maior feira de móveis e complementos da América Latina, encerra nesta sexta, dia 28, tendo alcançado suas metas de público e, principalmente, consolidado o novo formato adotado em 2012: expositores segmentados por tipo de produto e foco na classe média. Na edição deste ano, as indústrias mostraram ter vindo preparadas para abastecer o varejo nacional com móveis desenvolvidos para este novo público a partir da pesquisa de cores, tendências, materiais e medidas. Além disso, as empresas exportadoras investiram em valor agregado para conquistar novos mercados frente à concorrência com a China. O balanço da feira aponta mais de 36 mil visitantes de todos os estados brasileiros e 39 países.

O presidente da Movelsul, Henrique Tecchio, comemorou a qualificação dos visitantes e a geração de negócios durante o evento, o que demonstra que a Movelsul é a realmente a feira da nova classe média brasileira. Segundo ele, a movimentação nesses cinco dias foi tão expressiva, que alguns expositores tiveram que recusar pedidos por terem chegado ao máximo do seu limite de produção. “Nossos expositores investem muito para estar aqui e esperam obter retorno em forma de negócios. O que podemos dizer até agora é que as expectativas foram superadas”, projeta.

No período que antecedeu a feira, o Sindmóveis encomendou um levantamento junto aos expositores para entender de que forma eles estavam se preparando para atender a demanda da nova classe média. A pesquisa mostrou que cerca de 70% das indústrias entrevistadas vendem móveis para a classe média, sendo que pelo menos 20% delas definem seu target como classe C. Alguns expositores, inclusive, declaram ter linhas específicas para esse nicho de mercado.

As rodadas de negócio do Projeto Comprador também tiveram resultados positivos, muito em função da agenda mais livre adotada nessa edição, sem limitação de horários para a visita dos importadores aos estandes da feira. A ação é promovida pelo Sindmóveis em Bento Gonçalves em parceria com a Apex-Brasil, por meio do Projeto Brazilian Furniture de estímulo às exportações dos móveis brasileiros. Foram 600 rodadas de negócios entre os 30 estrangeiros e 112 empresas inscritas, que deverão resultar em exportações no montante de US$ 35 milhões.

Outro projeto da feira, o Salão Design Movelsul Brasil 2014, premiou 25 designers durante, reconhecendo o talento latino-americano e a parceria entre o design e a indústria moveleira. Alinhado ao tema da Movelsul Brasil, que tem foco na nova classe média brasileira, a comissão julgadora buscou premiar os produtos que melhor expressaram o conceito de design democrático – no que diz respeito a uma linguagem clara e acessível ao entendimento de todos. Ao todo, a 18ª edição do concurso distribuiu R$ 175 mil aos premiados.

A Movelsul Brasil 2014 teve 296 expositores de móveis e complementos, ocupando 57 mil metros quadrados do Parque de Eventos de Bento Gonçalves. A 20ª edição da feira será realizada em 2016.

Foto: Emmanuel Denaui


Comentários + Novo Comentário

Deixe um comentário

* Campos Obrigatórios